Últimas Notícias

Rio registra ventos de mais de 100 km/h neste domingo; cidade entra em estágio de atenção

Palco montado na área da Marinha na praia do Farol de São Thomé, em Campos-RJ, ficou destruído pela força do vento.
Foto: Tiago Quintanilha
Por volta das 23h da noite deste domingo 28, o tempo começou a mudar bruscamente na praia do Farol. O agito do mar podia ser ouvido de longe. Durante a madrugada, com o vento intenso que chegou a 80km/h, segundo registros da Marinha do Brasil, o palco de shows montado na área da Marinha, na orla do Farol de São Thomé, em Campos, ficou destruído pela força do vento. "Eu escutei o palco caindo da minha casa e foi sinistro" - conta Dênis Corrêa, morador próximo ao local. Último evento na Arena Show Farol aconteceu na semana passada, por conta do Festival de Outono nos dias 20 e 21. De acordo com a Prefeitura de Campos, não houve feridos e a Defesa Civil permanece em estágio de vigilância. Uma equipe foi encaminhada pela superintendência de Entretenimento e Lazer ao local para remoção de parte da estrutura.

O superintendente adjunto de Entretenimento e Lazer, Fabiano Gomes, informou que com a queda da cobertura do palco ninguém se feriu e já está sendo retirado para passar por manutenção.

— Como se trata de um centro de eventos multiuso é necessário ter um palco fixo, então o palco fica instalado nessa área. Tivemos esse contratempo, na qual houve queda em uma das partes do palco provocado pelo forte vento que ocorreu na praia, mas já estamos retirando toda estrutura para passar por manutenção e depois de pronto será instalado novamente. É importante ressaltar que toda estrutura montada é devidamente atestada por engenheiros, acompanhando todas as normas estabelecidas — informou Fabiano Gomes. 

Na manhã desta segunda, já era possível ver algumas casas destelhadas e galhos de árvores pelas ruas da praia campista. Um poste caiu na orla, em frente ao condomínio dos Gravatás, Náutico.
Foto: Dênis Corrêa
Farol x Barra do Furado

Ventos de 80km/h, provocaram estragos, também, na estrada Farol-Barra do Furado.  

O pluviômetro da Defesa Civil registrou, no período da ventania, índice de 6,5 mm de chuva. A ventania também ocasionou queda de vegetação – conhecida como gaiolinha – na estrada Farol-Barra do Furado, próximo à ponte do São Bento.

O coordenador da Defesa Civil, major Edison Pessanha, explica que devido à queda da vegetação, parte da estrada que dá acesso ao terminal pesqueiro está interditada em meia pista. 

Uma equipe da Defesa Civil foi ao local para separar a vegetação e, posteriormente a remoção que será feita pela superintendência de Limpeza Pública. 

A Defesa Civil permanece em estágio de vigilância 
Divulgação
RJ - Mais de 20 árvores caíram na cidade; Hospital Albert Schweitzer, em Realengo, ficou sem luz por 2 horas. Ponte Rio-Niterói fechou por 10 minutos e Maracanã teve queda de energia durante o jogo Fluminense x Goiás.

Vários bairros do Rio registraram rajadas de ventos de moderados a fortes na noite deste domingo (28). O vento chegou a mais de 105,5 km/h no Forte de Copacabana.

A cidade entrou em estágio de atenção às 20h25 devido ao avanço de uma frente fria que provocou a chuva e a ventania.

Houve transtornos em alguns bairros da cidade por conta da queda de mais de 20 árvores e galhos. Também houve falta de luz em vários bairros. As regiões mais afetadas foram as Zonas Oeste e Norte, segundo a Light.

Queda de árvore

Quedas de árvores e galhos foram registradas em pontos de todas as regiões da cidade, segundo o boletim de 6h50 do Centro de Informações Rio (COR), com mais de 50 casos em toda a capital fluminense.
Foto: Tiago Quintanilha
Foto: Reprodução/ Centro de Operações Rio


Redação | G1 | Supcom
Atualizado 15H52h

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe-nos Sua Mensagem! Seja Sempre Bem Vindo(a)!

Portal do Farol | Designed by F.H. | TecnologiaTemplateism.com | Todos os direitos reservados. Copyright © 2019

Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.
Published By Gooyaabi Templates