segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Sem médicos nos postos de saúde da baixada, servidora de Campos passa mal e morre

Amarita Carvalho / Foto: Internet

A servidora municipal Amarita Carvalho Alves, de 54 anos, foi a mais recente vítima da falta de médicos em várias unidades de saúde de Campos.


A mulher – que trabalhava no setor de limpeza da Escola Municipal Farol de São Thomé – se sentiu mal logo depois de chegar ao local de trabalho na manhã desta segunda-feira (2). 

A UPH do Farol recebeu o chamado para atender um mal súbito de uma funcionária na escola, o que foi realizado imediatamente. Ao chegar no local, a paciente apresentava fortes dores no peito e estava lúcida e orientada. Ao ser transportada para a ambulância, foi dado início à verificação dos sinais vitais e a ambulância retornou para o posto.

Entretanto, em virtude do atraso no pagamento dos RPAs, não havia médicos na Unidade
,  porém, a paciente recebeu os primeiros socorros pela equipe de enfermagem e foi encaminhada para o Hospital São José, referência na baixada. (Atualizado, de acordo com informações de um membro da equipe de enfermagem que atendeu Amarita no dia e não quis ter o nome revelado).

De acordo com Débora Ribeiro, de 32 anos, amiga de Amarita, ela foi levada as pressas para o Posto de Saúde de Baixa Grande, localidade que fica cerca de 15 minutos de Farol. Ao chegar no Posto de Saúde de Baixa Grande, a surpresa: a unidade de saúde também não dispunha de médicos para atendê-la. “O que está acontecendo em Campos é uma total falta de respeito com a população. Não tem médicos em quase nenhum posto de saúde da Baixada Campista. Tenho certeza que, se tivesse médicos de plantão aqui, ela poderia ter tido uma chance”, desabafou.

Amarita morava no Rádio Velho, na praia do Farol, e trabalhava há mais de 20 anos na instituição onde se sentiu mal.

Segundo Débora, sem encontrar atendimento médico em Farol e em Baixa Grande, Amarita foi levada para o Hospital São José, em Goytacazes, mas a servidora não resistiu.

Amarita foi dada como morta no Hospital São José.

RPA's Sem Pagamento


A Secretaria de Gestão Pública informa que aqueles cujo pagamento programado é de, até 500,00, receberão de forma integral. Já os que recebem acima deste valor, receberão 40% do total com a garantia de receber, no mínimo, R$ 500.

De acordo com o calendário da prefeitura de Campos, divulgado na sexta 29/09, receberão na terça-feira (03) os contratados com iniciais de A até D; na quarta-feira (04), de E até J; na quinta-feira (05), de K até N e, na sexta-feira (06), de O até Z.  Atualmente, o município possui quantitativo médio de 2 mil a 4 mil profissionais atuando neste regime, sendo um número flutuante, de acordo com a necessidade do município.


Notícia Urbana / Redação / Secom 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe-nos Sua Mensagem! Seja Sempre Bem Vindo(a)!

| Notícias |

Curta a Nossa Fan Page No Facebook
Curta nossa página no Facebook e fique por dentro em primeira mão... Notícias, Dicas de Eventos, Curiosidades, Notas de Utilidade Pública e Muito Mais! De janeiro a janeiro, o ano inteiro com você! Portal da Praia Farol de São Thomé - www.praiafaroldesaothome.com.br - “A gente se encontra aqui!"

| Geral |

| DESTAQUE |

Motoristas podem agendar vistoria sem pagar o IPVA a partir de terça

Divulgação Motoristas podem agendar, a partir da próxima terça-feira, a vistoria de veículos no site do Detran sem a necessidade de p...

| Leia Também |

Você Conhece a História do Monumento do Farol? Assista!

| Sua mensagem aqui |

Enviar sua mensagem click AQUI
As mensagens são moderadas e passarão por análise antes de sua publicação.