segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Operação Verão: Corpo de Bombeiros alerta para o risco de afogamento

Divulgação
O 5º Grupamento de Bombeiro Militar (5º GBM), iniciou neste mês a Operação Verão, alerta para os perigos de afogamento em rios, lagoas e praias. Este ano, o comando registrou mais de 800 afogamentos e 20 buscas a corpos.  

 A operação contará com 60 Guarda Vidas, que atuarão nas praias de Farol de São Thomé, em Campos, e Grussaí, Chapéu de Sol e Atafona, em São João da Barra. Por terem grande número de banhistas, essas praias têm o maior índice de afogamento. 

O coordenador da operação, tenente Thomas Dutra, aconselha as pessoas a não se arriscarem. Ele observa que, somente este ano, foram feitos 46 salvamentos de banhistas que se afogaram nos rios, lagos e lagoas da região.

Além desses afogamentos, quase 20 buscas foram feitas na tentativa de reaver vítimas que sumiram após se banharem nestes locais. “O leito do rio é cheio de correntezas e objetos que podem surpreender estas pessoas podendo levar ao afogamento. Essa prática é altamente perigosa, pois estes locais não são propícios para o banho”, ressaltou o tenente.

Para aqueles que usam de jetsky, lanchas, barcos a motor ou barcos à vela, os cuidados devem ser em relação à forma de manuseio dessas embarcações e sobre os dispositivos de segurança contidos nas regulamentações sobre pilotagem de embarcações. “O uso de coletes salva vidas é imprescindível para condutores e tripulação”, alerta o coordenador.

Dicas de segurança para o banho de mar

Quem quer um banho de mar tranquilo deve ter alguns cuidados. Aqueles que gostam de sair de casa cedo e ficam na praia o dia todo devem se proteger do sol usando protetor solar, barracas e chapéu. Além disso, é necessário beber bastante água.  “Ao chegar à beira mar procure se estabelecer próximo a um posto de Guarda Vidas. Busque informações sobre as condições do mar e mantenha os olhos bem atentos sobre as crianças durante o banho. Nunca as deixe sozinhas”, alerta o tenente Thomas.

O coordenador observa que este ano foram contabilizados - somente nas praias de Atafona, Grussaí, Chapéu de Sol e Farol de São Thomé – mais de 800 afogamentos e mais de 2500 intervenções de prevenção. Ele esclarece que os Guarda Vidas são profissionais preparados para atuarem nos diversos tipos de salvamentos aquáticos. Esses especialistas passam por um treinamento de oito meses aprendendo todas as técnicas de resgate e salvamento. “Respeite as condições do mar e siga as orientações dos Guarda Vidas”, finalizou. 

A atuação das equipes nas praias da região será feita com o apoio de duas ambulâncias com suporte básico de vida para atendimento rápido às vítimas de afogamento e outras ocorrências que podem existir à beira mar, dois jetskys, duas viaturas 4x4, além do suporte dos quartéis para um atendimento mais avançado.

Em caso de emergência, quem estiver na areia e avistar perigo no mar deve sempre procurar os Guarda Vidas na areia ou entrar em contato pelo telefone de emergência 193.








JTV

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe-nos Sua Mensagem! Seja Sempre Bem Vindo(a)!

| Notícias |

Curta a Nossa Fan Page No Facebook
Curta nossa página no Facebook e fique por dentro em primeira mão... Notícias, Dicas de Eventos, Curiosidades, Notas de Utilidade Pública e Muito Mais! De janeiro a janeiro, o ano inteiro com você! Portal da Praia Farol de São Thomé - www.praiafaroldesaothome.com.br - “A gente se encontra aqui!"

| Geral |

| DESTAQUE |

CÚPULA DA CACHAÇA - Barra Velha Prata e Premium entram na lista das '250 Cachaças Mais Queridas do Brasil' e seguem no Ranking

Foto: Fabiana Henriques A primeira fase do III Ranking Cúpula da Cachaça – o Voto Popular – demonstrou, mais uma vez, como a produção ...

| Leia Também |

Você Conhece a História do Monumento do Farol? Assista!

| Sua mensagem aqui |

Enviar sua mensagem click AQUI
As mensagens são moderadas e passarão por análise antes de sua publicação.